capa do álbum O Jogador de Xadrez de David Sala, no primeiro plano um jovem de fato, chapéu na mão direita e a outra no bolso das calças, mais ao fundo um grupo de composto por duas mulheres, no seu lado direito e três homens do lado esquerdo, todos no convés de um navio.

Foi hoje publicado o álbum O Jogador de Xadrez, de David Sala. Apresentamos o press-realease da Levoir:

As adaptações de obras literárias para BD não são muito comuns, mas David Sala adaptou o último livro escrito pelo austríaco Stefan Zweig, e fez dele uma obra sumptuosa, como é classificada pela revista L’ Express. O Jogador de Xadrez, em banca a 8 de Agosto.

Nascido em Décines, perto de Lyon, em 1973, David Sala não é estranho às adaptações à BD de obras literárias, pois com a colaboração de Jorge Zentner, já tinha publicado a série Nicolás Eymerich, inquisidor, uma adaptação de uma novela de Valerio Evangelisti.

O Jogador de Xadrez, foi escrito, em fevereiro de 1942, pouco tempo antes de Stefan Zweig se suicidar no Brasil, país onde se tinha refugiado para fugir à guerra que assolava a Europa.

A história contada por um narrador sem nome, relata uma viagem em 1941 passada num navio que liga Nova Iorque a Buenos Aires, dois homens confrontam-se em frente de um tabuleiro de xadrez. O primeiro, Mirko Czentovic, é o actual campeão mundial. De origem jugoslava, sem instrução, mas dotado de grande genialidade quando se trata de jogar xadrez. O segundo, um certo Mr. B., é um aristocrata austríaco que prefere manter o anonimato. Este ilustre desconhecido diz não jogar há vinte cinco anos. No seu passado há um segredo incómodo, cuja história ele conta a um viajante intrigado.

Um relato da barbárie vivida durante a II Guerra Mundial e das técnicas de tortura nazi. David Sala entendeu perfeitamente o mal-estar e a confusão do texto de Zweig, que descobre que a fuga à guerra não é suficiente para se libertar dela.

Os desenhos de Sala são bonitos, conseguindo transformá-los numa verdadeira exposição de pintura de Klimt ou Schiele. O trabalho na cor é notável, "Jogando numa escala cromática melancólica, encontramos a nostalgia em cinza-turquesa e roxo que caracteriza Zweig e o seu mundo de ontem, um mundo perdido", explica David Sala.

 
argumento e ilustrações: David Sala
título: Gente de Dublin - volume 10
coleção: Novela Gráfica (4)
data lançamento: 8 de agosto 2018
nº páginas: 136
preço: EUR 10,90
edição: Levoir
Pin It

  1. Autor
  2. Seleção
  3. Facebook

Pénélope Bagieu

quinta, 26 julho

Bastien Vivès

quarta, 25 julho

Jesús Alonso...

quinta, 28 junho

Pasquale Frisenda

segunda, 25 junho

Tito Faraci

sexta, 22 junho

A Sombra do Corvo

domingo, 31 dezembro

Murena - A Vingança d…

quinta, 24 agosto

Os Ignorantes

sábado, 12 agosto

O Julgamento de Tinti…

sábado, 12 março

  1. Livro
  2. Clássico
  3. Editora

Uma irmã

quinta, 19 julho

Destemidas -...

quinta, 19 julho

O Farol / O Jogo...

sexta, 13 julho

Calipso

terça, 10 julho

O Professor...

quinta, 28 junho

S.O.S. Meteoros por E…

sábado, 12 março

Quem são os Longway ?

domingo, 13 março

XIII - A Série

domingo, 03 abril

Christian Godard: Mar…

domingo, 03 julho

Dibbuks

quinta, 28 junho

Norma Editorial

sábado, 7 abril

Marsupial Editora

domingo, 11 fevereiro

Toutain Editor

quinta, 1 fevereiro

Garbuix Agency

quarta, 17 janeiro

Visit Redmoon online casino Canada.